quinta-feira, 15 de maio de 2008

Pêssegos exóticos




Jardim fechado és tu, irmã minha, esposa minha, manancial fechado, fonte selada.
Os teus renovos são um pomar de romãs, com frutos excelentes: o cipreste e o nardo.
O nardo, e o açafrão, o cálamo, e a canela, com toda a sorte de árvores de incenso, a mirra e aloés, com todas as principais especiarias.
És a fonte dos jardins, poço das águas vivas, que correm do Líbano.
( Passagem 12, 13 , 14, 15 do 4º cântico de Salomão, Bíblia )

Há algo de poético, misterioso e ancestral nas especiarias.
Eu tenho na minha cozinha, as especiarias guardadas em caixinhas e em frascos, e volta e meia dou comigo a cheirá-las. A verdade é que esse simples gesto, de abrir uma caixinha e sentir o aroma que se liberta do seu interior, seja do cravinho, da noz moscada, da canela ou da pimenta preta ( a minha pimenta favorita ), faz com que o meu ânimo melhore, faz-me sentir bem e de espírito elevado. Pode-se dizer que é uma forma de aromoterapia caseira para donas de casa desesperadas!
Estes pêssegos aromatizados, são uma forma diferente de servir este fruto. Eu adoro pêssegos frescos, mas por vezes é bom variar um pouco.
Esta receita é também uma óptima sugestão para um jantar mais sofisticado, pois os pêssegos ficam muito bonitos servidos desta forma.
Das especiarias utilizadas no xarope vou deixar-vos algumas curiosidades.
A canela: a casca é extraída de uma árvore que se chama caneleira. A sua infusão é benéfica para tratar problemas digestivos, menstruais e de má circulação.
O cardamomo: é uma das mais antigas especiarias do mundo, no antigo Egipto era muito utilizado em perfumaria. As suas propriedades terapêuticas são muitas, a sua infusão trata a indigestão e a flatulência assim como cólicas. Na Índia ainda hoje é usado para tratar asma, bronquite, anorexia entre outros.
O aniz estrelado: o nome chinês desta planta , significa " funcho de 8 chifres", é estimulante, diurética e digestiva. É eficaz no tratamento de gases, indigestão e cólicas é também boa para tratar dores de dentes.
A curcuma ou açafrão das Índias: é extraída de um rizoma. As suas propriedades terapêuticas são muitas, é um poderoso anti-inflamatório, faz baixar os níveis de colesterol é anticoagulante e é um forte anti oxidante entre outros.
A baunilha: Madame pompadour perfumava a sua roupa com baunilha. É muito usada na cozinha mas também numa enorme gama de produtos de perfumaria.

Ingredientes: ( 4 pessoas )
4 pêssegos maduros mas rijos
1/2 garrafa de vinho branco seco ou espumante
250 gr. de açúcar
2 pedaços de anis estrelado
1 vagem de baunilha
1 pau de canela
4 sementes de cardamomo esmagadas
1 colher de café rasa de curcuma- açafrão das Índias
4 rodelas finas de limão

Preparação:
Leve uma panela ao lume com bastante água, deixe ferver e ponha dentro os pêssegos. Escalde-os por 1 minuto e meio. Tire-os da panela e deixe-os arrefecer, depois tire-lhes a pele com cuidado, devem ficar lisinhos.
Num tacho ponha o vinho e 300 ml. de água, o açúcar, o anis, a canela , o cardamomo, a vagem de baunilha e a curcuma. Ferva o líquido até ficar tipo xarope ( isto tem que ser feito a olho ), depois baixe o lume e coloque os pêssegos dentro do tacho, se o líquido não for suficiente para tapar os frutos, junte um pouco de água. Tape o tacho com papel de alumínio, sele bem e deixe cozer em lume brando por 10 ou 15 minutos, ( se os pêssegos forem mais rijos devem cozer 15 m. , se forem mais moles 10 m. são suficientes ).
Depois de cozidos, retire os pêssegos do xarope e reserve. Leve o xarope ao lume até reduzir para um terço. Deixe arrefecer um pouco e coloque os pêssegos dentro, deixe arrefecer totalmente e ponha numa taça. Pode servir cada pêssego com uma rodela de limão e uma bola de gelado de baunilha.

As rodelas de limão são levadas a lume brando num pouco da calda dos pêssegos a cozer por 10 m. + ou -. Quando estiverem macias e quase transparentes estão prontas.
Print Friendly and PDF

12 comentários:

Martuxa disse...

A combinação de especiarias deve deixar um aroma espetacular :)

beijinhos

Natércia disse...

Mónica bem essa receita deve ser de comer e chorar por mais gulosa como sou não ficava nada um bjo. Natércia...

janeca disse...

Monica adoro a fruta assim,fiz á uns dias uns pêssegos com um xarope,que já postei,mas não tinha todas essas especiarias, que ficaram divinais e as visitinhas ficaram fascinadas com a imagem e o sabor.
Ao ler os seus pêssegos, fiquei fascinada,até na descrição das especiarias me fez sentir o cheirinho maravilhoso da canela,do aniz,da baunilha...adoro vir a esta cozinha!!!! tenho que experimentar assim.
Parabens Mónica.

Bjinho!

edinha disse...

Gostei destes pessegos
beijinhos

Filipa disse...

Aí que isto parece-me tão bem...
Se eu gostei das papaias que fiz na calda de baunilha e cardamomo, então destes pêssegos vou adorar! Receita anotadíssima.

beijocas

risonha disse...

só de imaginar o aroma das especiarias que envolveram estes pêssegos, até me sinto a desfalecer.
receita óptima, parabéns!

Marizé disse...

Mónica, quem me conhece sabe que eu sou louca por especiarias, a minha despensa com os meus frasquinhos e potinhos é o meu paraiso, claro está que gostei imenso desta receita.
Bjs

COZINHA QUENTE disse...

Monica,
conheci seu blog agora e adorei. Essa foto dos pessegos esta deslumbrante!!! Uau!!!
bjsss

Luciana Macêdo disse...

Uma receita poética e muito perfumada.
Bjs!

Nani disse...

Com esta mistura de especiarias deve ser mesmo exótico,bjs

Nana disse...

Obrigada pela aula, agora esse doce, hummm...
exótico é pouco para defini-lo.
Bjs

monica disse...

Martuxa, tens toda a rzão. Bjinhos

Natércia,então já somos duas gulosas. Bjinhos

Janeca, obrigada pelo elogio e bjinhos

Edinha, fico contente que tenha gostado, Bjinhos

Filipa, vais gostar concerteza. Bjinhos

Risonha, imagina agora o cheirinho que ficou pela casa! Bjinhos

Marizé, eu já tinha visto no tachos de ensaio que também gostas muito destes aromas. Compreendo-te perfeitamente...Bjinhos

Cozinha quente, obrigada, que bom que gostou.Bjinhos

Luciana Macêdo,obrigada e bjinhos

Nani, tem razão. Bjinhos

Nana, fico contente que tenha gostado. Bjinhos

UA-16306440-1