terça-feira, 28 de abril de 2009

E assim começamos! - anti-pasti




O acto de comer, no seu sentido mais básico, não passa de uma necessidade primária com vista à sobrevivência. Mas se lhe juntarem um aniversário, uma mesa extensível aberta e uns quantos familiares sentados à volta dela, então aí o caso muda de figura e "de repente" estamos no meio de uma festa!
Semanas antes do meu pai vir a Gaia ( para passar o seu aniversário e tratar de alguns assuntos), o concelho familiar, reuniu em casa da minha avó. E assim, eu, o meu irmão e claro, a minha avó decidimos que a celebração do aniversário do meu pai, seria em minha casa. Ainda pensamos em fazer uma festa surpresa ( ideia da minha cunhada ) mas um "deslize" da minha avó, deitou por terra o plano. Com o entusiasmo do momento, acabou por perguntar ao meu pai ( por telefone ) que prato ele queria para a festa de aniversário! Só depois se deu conta que a festa surpresa já não era surpresa para ninguém! Pelo menos o prato principal, já estava decidido! Um glorioso e sempre muito apreciado, bacalhau com natas. Quanto ao resto, eu estava por minha conta e risco e a adorar cada minuto!
É verdade, eu adoro planear uma festa, seja ela qual for. Dêem-me uma caneta e um bloco de notas e a minha cabeça passa a funcionar tipo máquina de slides, com imagens de comida a passarem umas a seguir às outras sem interrupção! Eu divirto-me imenso com isso e além do mais é terapêutico. As preocupações e problemas desaparecem e é só comida, comida e mais comida!
Desta vez, porém, aquilo que mais me divertiu foi planear as entradas. Eu andava já há algum tempo à espera de uma oportunidade para fazer um desfile de anti-pasti. Vários pratos de entradas de inspiração italiana, deliciosos, coloridos e de dar água na boca . Pois bem, a minha oportunidade tinha chegado!
E foi assim que no passado Sábado começamos a celebrar o 62º aniversário do meu pai, com a família reunida à volta da mesa, a petiscar courgettes fritas e temperadas com balsâmico e hortelã picada, pimentos vermelhos assados bem regados com azeite e vinagre, figos secos com queijo de cabra, tomate com mozzarella e oregãos e acelgas salteadas em azeite e alho.
A seguir veio o bacalhau com natas, dourado e delicioso, em 2 grandes travessas que se esvaziaram totalmente. E na hora da sobremesa, na mesa estavam o clássico pudim francês a nadar em caramelo e um bolo de requeijão e amêndoa, especialidade italiana que serviu também de bolo de aniversário.
As horas passaram e com elas, os pratos de cheios passaram a vazios.
Comemos, bebemos e festejamos, e o simples facto de nos termos reunido mais uma vez à volta da mesa, transformou-se numa festa onde mais do que celebrar o aniversário do meu pai, se celebrou principalmente, a oportunidade de estarmos novamente todos juntos.



Courgettes fritas:
Courgettes cortadas em rodelas, fritas em azeite e depois temperadas com vinagre balsâmico, azeite, sal e hortelã picada.



Acelgas salteadas:
Acelgas branqueadas* e escorridas que depois são salteadas num pouco de azeite onde se fritou levemente um alho e temperadas com um pouco de sal.


Pimentos vermelhos assados:
Pimentos vermelhos cortados em 2 metades e levados a assar em forno pré-aquecido a 200 º, marca 6 do fogão a gás, num tabuleiro forrado com papel de alumínio. Tiram-se do forno deixam-se arrefecer dentro de um saco plástico ( o vapor libertado faz com que a pele saia mais facilmente ), cortam-se em tiras e temperam-se com sal, azeite e vinagre.


Figos secos com queijo de cabra:
Cortam-se figos secos em 2 partes e pôe-se uma tirinha de queijo de cabra por cima de cada parte.

Tomate com mozzarella e oregãos:
Cortam-se fatias de tomate maduro, por cima põem-se fatias de mozzarella e polvilham-se com oregãos
secos. Temperam-se com sal e azeite.

*Mergulhadas em água a ferver por 2 ou 3 minutos.















Print Friendly and PDF

8 comentários:

Carol disse...

Para mim nas festas que tem entradinhas como estas nem precisa vir o prato principal, estas jé me apetecem!! Beijos

"Manjares da Manu" disse...

Hummm delecía!!!

Bjs...

ameixa seca disse...

Como eu sou grande adepta de salgados, adorei este desfile :)

anna disse...

Bem, miúda, tu percebes mesmo de entradas! Que festival de cores e sabores...
Beijinhos.

Odete disse...

Adoro comida assim, aos bocaditos. Ah e os figos c/ queijo, demais!
bjs

menoscaloriasmaisvida disse...

Eu também sou um pouco como tu na preparação de festas e jantares. Gosto muito de todo o processo. Quanto às entradas, adorei. Gostei especialmente dos figos com queijo de cabra. Deve ser uma delícia. :D

Leonor de Sousa Bastos disse...

Olá!!!

Eu também sou assim...começo a falar em comida e já estou de papel na mão a fazer listas de ingredientes, esquemas de como montar os pratos, desenhos das apresentações...uma loucura.

Aproveito para confessar que essa é a única forma que encontro para adormecer tranquila...começo a pensar em doces e já nada me pode perturbar os pensamentos (o único inconveniente é ter que me levantar algumas vezes à procura de algo com açúcar para calar a minha "imaginação").

Fico contente que todos os planos tenham corrido como o previsto (a parte da festa surpresa não mas o que importa é que haja festa na mesma e que todos estejam felizes!) e que a comida tenha voado!

Sou completamente louca por bacalhau e um bom bacalhau com natas é mesmo um prato glorioso!:)
Quanto às entradas, gostei da simplicidade e da harmonia do conjunto!...deviam estar óptimas!

Mesmo depois de tudo isto, a minha barriga tem sempre um lugar reservado para a sobremesa e a dupla do bolo com o pudim deve ter sido um desfecho maravilhoso!!!

Que pai com sorte!;)

Beijinho

Rivera disse...

Adorei todos estes pratos! Para gostar mais só me faltava ter ido ao jantar hihihi

UA-16306440-1