quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Doce de Abóbora com Laranja e Canela




Esta semana abri a última abóbora que tinha cá em casa. Cortei uma grande parte em pedaços que congelei para usar nas sopas e da restante fiz doce de abóbora, seguindo o método explicado aqui. A única alteração que fiz foi usar raspa da casca de laranja, em vez da casca inteira que no fim seria retirada.
Ao contrário de outros doces de abóbora que já fiz seguindo métodos diferentes, neste, os pedacinhos de abóbora mantiveram-se inteiros, embora se desfaçam facilmente se os pressionar com uma colher ou faca, o que o torna ainda mais bonito e como os olhos também comem, matam-se dois coelhos de uma cajadada só!...





Ingredientes:
1,5 kg.de abóbora descascada e cortada em cubinhos pequenos
1 kg. de açúcar
1 pau de canela
Raspa da casca de meia laranja ( não muito grande )


Preparação:
Numa panela alta ponha o açúcar e um pouco de água só para humedecer o açúcar, junte a canela e a raspa de laranja.
Leve a lume médio até o açúcar dissolver e junte a abóbora.
Deixe ferver em lume forte, pois a abóbora vai largar bastante água e esta tem que evaporar.
Quando o doce já não estiver tão líquido e começar a ganhar um pouco de consistência, baixe o lume para médio e deixe acabar de apurar até a abóbora estar cozida.
Se à superfície se formar uma película de espuma, retire-a com uma escumadeira.
Para ver se a a bóbora está no ponto tire um pedacinho e esmage, se ela se desfizer facilmente, então está pronta, depois é só uma questão de ver o ponto do líquido, para isso ponha um pouco do xarope num prato e deixe arrefecer um pouco. Passe o dedo pelo meio abrindo "estrada", se o doce se voltar a juntar, é sinal que precisa de ferver mais um pouco, se se mantiver assim separado, então está pronto a sair do lume.
Se precisar de ir ao lume novamente não deixe de vigiar o doce pois um descuido, pode transformar o mesmo em caramelo.
Depois só tem que retirar a espuma que aparece à superfície e guardar em frascos préviamente fervidos.
Tape os frascos, vire-os de pernas para o ar, deixe assim 2 segundos e a seguir volte a virá-los, abra a tampa para que o ar saia todo e volte a apertar a tampa de seguida.
Guarde em lugar seco e escuro ou então no frigorífico. Print Friendly and PDF

17 comentários:

Luísa Alexandra disse...

Que cor tão cativante tem este doce.
Para mim os melhores são sem dúvida os de abóbora.

"Manjares da Manu" disse...

Que lindo!!!Deve ter ficado muito bom, eu amo doce de abóbora,mas não provei assim com gostinho de laranja!!!Deve ficar surpreendente!!!

Bjs.....

Figos & Funghis disse...

Colocar laranja e canela no Doce de Abóbora é uma idéia super criativa. Deve ficar com um perfume delicioso, e a aparência está ótima.
Bjinhos

Angela disse...

Pelo aspecto para uma delícia! A combinação de abóbora, laranja e canela deve ser mesmo... yummie!!..

ameixa seca disse...

Que bela cor! Adoro doce de abóbora mas assim aos pedacinhos nunca provei :)

Tatiana disse...

Que cor mais linda!!! Adoro doces caseiros! Ficou muito lindo mesmo!!!
Bjs

Manuela L. disse...

É sem duvida o meu doce de eleição!
Ficou com uma cor linda!
bjs

isabel disse...

De facto, ficou com uma belíssima cor e aos pedacinhos ficou mais bonito ainda!!
beijinho Mónica.

Fla disse...

Nossa que cor linda deste doce.
Parabéns viu...
Bjs

manjericota disse...

Ta um aroma aqui desse doce....hummmmm! Como é gostoso doce caseiro.

Bjokas, Dani :)

Babette disse...

Está lindo!...Este ano ainda não fiz doce de abóbora.... fiquei com vontade de fazer e...mais ainda... de comer!!!

Zézinha disse...

Olá Mónica Pinto
Sou leitora assídua do blog, do qual aprecio a escrita, as fotos, as receitas ... Pesquisava na net qual a melhor abóbora para fazer doce e apareceu-me novamente esta foto. Gostava muito de saber qual é a variedade/nome da dita abóbora com a qual fizeste este doce, que tem um aspecto excelente. O meu doce também fica aos pedacinhos e eu costumo fazer com abóbora porqueira, mas gostava de trocar ideias com quem também faz assim. Adoro sentir os pedacinhos a desfazerem-se e não gosto nada daqueles doces "moidos".
Agradeço a resposta e desejo-te muitos momentos felizes, para partilhares no blog.Bjs

Anónimo disse...

Um ajudinha, porque o doce ficou com o acucar cristalizado quando arrefeceu?
Quantidade de acucar a mais? qual a quantidade ideal?
Obrigada
Ana Maria

Zézinha disse...

Olá Ana Maria; o doce ficou cristalizado porque passou do ponto de estrada.Mas tem solução: leva a ferver com um bocado de água para derreter o açúcar e vigia o ponto,sem deixar passar!Boa sorte.

Aura disse...

Uau, parece deliciosa esta receita! Vou fazer! obrigada pela partilha.

Maria Manuel disse...

Este doce é uma delicia e esta receita é fantástica.Já conhecia.Para as amigas que quiserem um doce diferente,proponho que levem tudo ao lume 1º e só passados 15 minutos deitem a abóbora.Fica uma delicia.Os quadradinhos ficam inteiros.Ponham nozes aos bocados e comam com requeijão ou queijo da Serra amanteigado.Vão adorar!!!!!!

Mónica Pinto disse...

A receita diz isso mesmo Maria Manuel:) com exceção para as nozes que não aprecio nos doces. De qualquer forma agradeço a sua sugestão.

UA-16306440-1